Central Anitta » Revista
Arquivo da categoria 'Revista'
31
out
16

Pelo quarto ano consecutivo, Anitta é considerada uma das mulheres mais sexy do mundo pela revista VIP. Em 2013 e 2014, Anitta ficou no 2º lugar no ranking. Já em 2015 a cantora conquistou o 1º lugar e foi capa da revista no ano. Agora em 2016, Anitta caiu quatro posições e ficou em 5º lugar no ranking das 100+.

A campeã do ano passado deixa o pódio. Só não se pode fizer que ela perdeu popularidade. Seu clipe da Música ‘Essa Mina É Louca’, que entrou no Youtube em janeiro, teve 129 milhões de visualizações. Foi o mais visto clipe brasileiro lançado em 2016 (ah, 2º e o 3º mais vistos também são dela). E pegaria o 5º lugar se entrassem os clipes das cantoras internacionais das 100+.

untitledw

02
set
16

Anitta não cansa de lacrar com as concorrentes, não é mesmo? Fazendo carão e vestida de Louis Vuitton, a cantora é capa da edição de setembro da revista Cosmopolitan. No recheio da publicação, a poderosa – que chamou atenção do mundo todo ao participar do show de abertura da Olimpíada Rio 2016 – comenta sobre sua forma de lida com a vida, o assédio e suas frustrações.

A partir do momento em que comecei a entender que estamos aqui por um tempo determinado, passei a ter mais calma para resolver as coisas e a pensar que tudo passa. Aprendi a dar um passo após o outro e ter paciência para resolver tudo. Ok, existem situações estressantes. Não vivo tipo os ursinhos carinhosos o dia inteiro. Mas consigo sempre tirar força de algum lugar“, conta.

Divertida e irreverente, Anitta também contou que, se pudesse fazer um pedido para o gênio da lâmpada, não pensaria duas vezes: “Seria para comer e não engordar. Todo o resto corro atrás. Pode crer. Se me disserem que tenho dois anos para virar uma astronauta, vou virar. Sou determinada. Agora ficar sem comer, meu amor, não tem jeito“, admite.

Bastante próxima à família, a cantora comentou que não mudou sua atitude depois da fama, mesmo com os parentes, mas que foge de gente que tenta se aproximar por interesse. “Tenho uma família incrível. Mas tenho gente próxima que não é da família e que é ótima também. E, não se engane, tenho muito parente que era uó e, depois que fiquei famosa, quer ser legal. Aí não, né? Um beijo e tchau, querido! Ai, mas é da sua família? Quando eu estava pobre, na merda, não era também? Nem vinha me ver. Agora diz que sou a melhor pessoa? Desculpa!

Quando o assunto é amor, Anitta admite que teria mais facilidade em se relacionar com alguém que fosse parecido com ela em termos de personalidade – ou seja, nada da máxima de “os opostos se atraem”. “Se for parecido comigo, será uma pessoa supercompreensiva. Sou zero cabeça dura! Ok, sou controladora, mas não briguenta. Só insisto no que tenho certeza.”

Fotos:

A edição deste mês, com a Anitta na capa e no recheio, já está à venda nas bancas do Brasil, com o preço de R$12,00.

05
ago
16

Anitta estampa a capa da revista QUEM dessa semana, que já está à venda nas bancas, mostrando sua nova casa, a cantora ainda fala sobre o convite para cantar na cerimônia de abertura da Rio 2016, seu mais recente clipe, de ‘Sim Ou Não‘, sua parceria com o cantor Maluma, plásticas e mais.

Confira a entrevista logo abaixo, além do lindo ensaio da cantora para as lentes de Marcelo Tabach.

Marilyn Monroe faz uma pose sensualíssima. Amy Winehouse tem uma bola de chiclete na boca. Madonna está de tapa-olho. Há ainda Frida Kahlo, Beatles, Elvis Presley, Charles Chaplin, Rolling Stones… São muitas as referências ao universo pop e à pop art, movimento artístico que se desenvolveu na década de 50, na Inglaterra e nos Estados Unidos, com uso de cores intensas. Mas é ao apertar um interruptor no canto da sala que se acende uma imponente letra ‘A’ no centro da parede de quase 7 metros, onde estão expostos todos esses quadros. É o ‘A’ da dona da casa: ‘A’ de Anitta. Ela desce as escadas com seu inseparável celular e um amplificador de som. Está sempre ouvindo música. “Sabe ansiedade? Sou eu, muito ansiosa, de-mais!“, diz, separando as sílabas. Tem seus motivos.

Um dos grandes nomes da abertura das Olimpíadas do Rio 2016, na noite desta sexta-feira (5), no Maracanã, no Rio, a cantora Anitta, que também estampa a capa desta semana de QUEM, conversou com reportagem sobre os preparativos para se apresentar para mais de três bilhões de pessoas – audiência estimada da grande festa. Ela vai cantar a música ‘Isto Aqui o Que É‘, composição de Ary Barroso.

RIO 2016
Fiquei muito feliz quando me convidaram para fazer a abertura da Olimpíada. Nem acreditei, porque é uma coisa muito grande. É um acontecimento e tanto. É uma vitrine incrível. Mas vai ser uma Anitta diferente ali. As pessoas com quem converso, esperam que eu venha com um monte de bailarina, dançando… Eu falei: ‘não, gente! Sou eu, Caetano e Gil‘. O musical tem a ver com eles (risos). É mais a ver com eles do que comigo! Não vou acabar ofegante de tanto dançar. Sou eu e eles dois. É mais MPB.”

CAETANO
Quem decidiu foi a galera que está fazendo a abertura. Ia ser Caetano e Gil, daí Caetano deu ideia de me chamar. Ele acompanha meu trabalho, vê tudo, clipe, música. É super antenado e adora o que eu faço.”

FIGURINO
Não fui eu que escolhi (risos), foi o COI. Tem que combinar com o cenário do dia, com o momento lá. É uma coisa que eles todos estão. É bem mais comportadinho do que nos meus shows. Eles estão combinando entre si e com a Carol Roquete, minha stylist. Estou bem ansiosa, doida para chegar logo.”

CLIPE SIM OU NÃO
Olha, é completamente diferente do ‘Bang’, do ‘Essa Mina é Louca’. Diferente desse meu trabalho coloridão e pop, que se viu no último CD. Ele tem outra estética, até porque gosto de brincar com isso. As pessoas esperam uma coisa, eu faço outra. Porque aí nunca vai pelo óbvio. A gente surpreende.”

INTERNACIONAL
É o que eu quero, mas eu ainda não dei nenhum passo real nisso (na carreira internacional). Tenho estudado, conhecido pessoas, feito reuniões, analisado o mercado. A parceria com o Maluma, colombiano que bomba na América Latina, não significa que já seja minha carreira internacional. Até porque estou cantando em português. É um trabalho voltado para a Anitta no Brasil, sabe?

MALUMA
Estou numa fase de fazer pesquisa de mercado internacional, de como funciona. Por causa disso, acabei descobrindo o Maluma. Amei o trabalho dele, fiquei viciada nas músicas e sempre faço snap cantando ou malhando ou dançando ouvindo ele. Meus fãs ouviram, adoraram e começaram a marcá-lo fazermos um ‘feat’. Ele me seguiu e a gente começou a se falar. Nas minhas férias ele estava em Miami e eu em Orlando, e ele falou: ‘você quer vir para conhecer?’. A gente conversou muito sobre como é o trabalho do Brasil, o trabalho dos outros países. Foi bem legal. A partir daí a gente ficou se falando. Eu tinha essa música. Fiz essa música Sim ou Não com meus produtores e falei: ‘Cara, vamos fazer?“.

PLÁSTICA
Prefiro que as pessoas vejam a minha verdade do que ficar me escondendo… Imagina! Eu vou ter 20, 30, 40, 50 anos de carreira, e será sempre assim. Imagina se eu ficar 50 anos me escondendo. Se eu faço plástica, vou lá e falo. Se estou a fim de engordar, eu falo que estou a fim de engordar. Se estou a fim de emagrecer, falo que eu estou a fim de emagrecer. Minha forma de lidar com isso é viver a vida naturalmente. Só injetei um negocinho nos lábios. Só um preenchimento. Não tem plástica, não tem nada.”

VIZINHANÇA
Antes de se mudar em definitivo para a ampla casa de 607,12 metros quadrados em um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, ela morava em um apartamento no mesmo bairro. Já tentou morar sozinha, mas não deu certo. “Gosto de ter a família reunida. Trouxe minha mãe, meu irmão, a namorada do meu irmão. Já falei que se ele casar, vai morar aqui também! Quero ter todo mundo perto de mim“, revela. Durante as obras, Anitta ia atualizando os parentes pelo celular. “Todo mundo deu palpite. Minha mãe até parece jardineira, adora jardim“, brinca.

E é na área externa que a cantora gosta de reunir os amigos. Uma piscina com sauna e banheira acopladas garantem os momentos de relaxamento. “Me jogo ali e esqueço da vida“, conta. Mas quem manda mesmo no jardim são os agitados Alfredo e Olavo, da raça cavalier king charles spaniel: “Meus xodós!“, resume.

FUTURO
Atualmente Anitta está solteira. “Não tenho ninguém. Só paquero de vez em quando“, afirma, destacando que o romance com o ator Pablo Morais não vingou. “Ficamos amigos. Ele é um querido.

Encantada com a nova casa, a cantora conta que vem até ignorando o pouco tempo que tem para dormir. “Chego cansada dos shows e, em vez de cair no sono, fico admirando minha sala, meu quarto… É tudo tão lindo!“, diz, avisando que planeja dar prosseguimento aos planos de carreira internacional. “Quero levar minha música adiante. Mas se não rolar lá fora, ok. Sei que a Olimpíada será uma vitrine incrível. O que já estou conquistando é fruto de trabalho e persistência“, avisa, com os pés no chão. Ou melhor, com os pés no tapete desenhado exclusivamente para ela – um aconchego só.

Confira os detalhes da decoração da nova casa da Anitta:

Na sala de jantar, mais referências à pop art nas paredes.

deco2

A sala de TV recebeu um tapete personalizado e desenhado exclusivamente para a casa pela arquiteta Paula Ambrósio. O tamanho é 3,50 m x 5,30 m.

deco3

Com 70 metros quadrados, o quarto tem leitura clean. “Pensamos em uma princesa clássica, um lugar onde ela pudesse se sentir relaxada“, comenta a designer Amanda Ambrósio, destacando o dossel da cama, que dá um toque romântico.

deco4

Ao abrir o closet, a cantora brinca: “Você vai entrar no meu shopping!“. São mais de mil peças de vestuário, além de 400 pares de sapatos e acessórios.

deco5

A mesa de cubo mágico dá um ar de descontração. O cimento queimado nas paredes empresta toque rústico e moderno aos ambientes. Detalhes da penteadeira: vitrola retrô com seu vinil, jarra de água e telefone decorativo. Algumas peças são de galerias de Miami.

deco6

Fotos:

02
ago
16

Quando falamos de Anitta, logo vem a imagem daquela cantora que incendeia o palco, dona de coreografias incríveis e com status de celebridade inatingível, principalmente após ser elogiada pela Billboard americana como a nova sensação da música brasileira. mas Anitta é muito mais! Em entrevista à Capricho Week, ela falou sobre manter os pés no chão, afirmou estar solteira e entregou que, para ganhar seu coração, o cara precisa ser sincero. “Isso faz a diferença.

CH: Você foi convidada para cantar na abertura dos Jogos Olímpicos do Rio. Como vai ser a experiência de subir no palco?
Anitta: Estou muito ansiosa para cantar com Caetano (Veloso) e Gil (Gilberto Gil). Vai ser demais! É algo que a galera não esperada, porque estão acostumados a me ver rebolar até o chão. (risos) Lá vai ser diferente, e, pessoalmente, é uma realização pra eu poder cantar com ele, ícones da música brasileira. Será inesquecível.

CH: Você já sabe como vai ser o figurino da apresentação?
Anitta: Eu vou cantar MPB, e não vai ter dança com bailarinos nem sensualidade. O figurino tem a ver com a apresentação, com o cenário. Já fiz a prova de roupa e está tudo lindo, mas é só isso que vou dizer por enquanto.

CH: Como foi gravar a música Sim ou Não com o cantor colombiano Maluma?
Anitta: Foi muito divertido. É um trabalho novo, uma música diferente de tudo o que já fiz. O Maluma é um garoto especial, cheio de energia e muito parecido comigo. Dizem que sou eu de calça. (risos) O ritmo é diferente, espero que a galera curta!

CH: Tem fã achando que está rolando um clima entre você e ele. E aí, é verdade?
Anitta: As pessoas torcem, mas até acontecer é muito day off que me falta. O Maluma é uma pessoa especial, um cara muito bacana, gatíssimo, mas não tem namoro entre nós.

CH: Você está solteira, mas o que um homem precisa para conquistar Anitta?
Anitta: Ser sincero como eu! A sinceridade é uma das maiores características que eu tenho. Isso faz a diferença.

CH: Você sempre lança moda. O que não falta no seu guarda-roupa?
Anitta: Jeans! Eu tenho peças como casaco, calça, blusa detonada, short, tudo de jeans. Adoro! Mas não sou de ficar encanada com roupa. Uso o que gosto, o que me cai bem.

CH: Como foi ver a revista Billboard americana falar que você é a nova sensação da música brasileira?
Anitta: Eu fico muito feliz, mas não deixo de manter os pés no chão. Não me deslumbro com a fama. Cheguei até aqui com muita dedicação e trabalho, desenvolvendo estratégias para estar onde estou. Mas é muito bom ber o trabalho reconhecido.

CH: Você tem vontade de ter uma carreira internacional?
Anitta: Tenho essa vontade de crescer e ter, sim, uma carreira internacional. Estou seguindo uma estratégia para isso, que não é só estudar, dominar perfeitamente a língua, mas tentar entender como funciona a cultura do outro país, como eles recebem o trabalho, como é realizada a divulgação e como um novo trabalho chega ao público. Eu tenho viajado bastante para poder perceber como isso funciona fora do Brasil.


Fonte: CH Week

08
jul
16

Anitta é capa e recheio da edição #15, da revista WOW, que foi lançada recentemente e já está a venda no site da mesma; em breve, estará também disponível em diversas livrarias do Brasil.

Abaixo, vocês conferem a entrevista completa, além de fotos exclusivas da cantora.

O TIRO CERTO por DJ Zé Pedro
Anitta era a mina da hora dentro do universo funk. Mas isso foi antes, bem antes que suas ambições fossem postas em prática, e que a transformariam em mito absoluto no Brasil. Feito Midas do pop brasileiro, onde Anitta coloca suas ideias em prática vira território do sucesso. Os artistas e produtores que ela chama para arregimentar seus sonhos, viram estrelas dentro do mercado. Sabendo disso, Anitta planeja com muito cuidado seu exército. E foi assim que ela chegou ao reino de Giovanni Bianco, o cara que reinventa a imagem de Madonna a cada álbum, cria campanhas geniais para marcas de moda do mundo todo e, acima de tudo, um apaixonado pelas coisas do Brasil.
Sendo assim, o encontro desses dois poderes só poderia chegar onde chegou: na consagração total, no assunto principal de todas as mídias. O videoclipe de ‘Bang‘ (ainda) – a cada amanhã, aumenta consideravelmente seu número de views no YouTube. Transformou-se em paródias que deram o que falar, como a minha própria no ‘Canal da Véia‘, que também arrastou multidões sendo editada pelo próprio Giovanni ao lado de seu parceiro Bruno Ilogti.
Nosso primeiro encontro foi após esse sucesso todo. Demos muita risada, passando dali pra uma relação alimentada por mensagens de voz, porque encontra Anitta hoje é praticamente impossível. Sua agenda é sem intervalo e, aviso aos navegantes, só vai piorar para melhor, porque, em breve, a moça alcança o mercado estrangeiro. Para isso, tem preparado demos com os maiores produtores lá de fora. Eu já ouvi algumas e digo: é tiro, porrada e bomba. Anitta, sou teu fã.

Anitta WEloveYOU
Muito se fala sobre ela, tanto em comentários da mídia como nas ruas. Um fenômeno passa por esse processo naturalmente e não tem para onde fugir e nem como se esconder. A crítica existe. E, como ela mesmo nos diz, “é importante“. A garota pop não liga muito para as críticas que não acrescentem em nada na sua crescente carreira. Se der espaço às críticas sem fundamento, seu trabalho perde a identidade. Você se torna mais um.
Ela escreve, ela dança, ela vende, ela resolve sua rotina empresarial, ela faz comercial, ela é garota propaganda de várias marcas. Ela se estica, malha, come e faz dieta. Ela, ela, ela. Sim, ela é um fenômeno. Faz selfie e depois tira sarro de tudo isso.
Aprendemos que ser Anitta é muito mais leve do que parece. Durante o ensaio, se divertiu e se entregou à proposta de homenagear uma geração que acredita que não passará. Pelo ou pelo não, a edição selfie começa agora.
A #selfieWOW da Anitta retrata exatamente a montanha-russa de sentimentos que nos invadiu nas horas em que passamos ao seu lado. Alegria, criatividade, entrega e inteligência.
Anitta é mulher, brasileira, sensual, carinhosa, dedicada e se supera em tudo que faz. Ela virou fenômeno no país diante de nossos olhando quando, na sua primeira selfie, ela ainda era uma menina. Uma menina que investiu e acreditou em si mesma como ninguém mais.
Cada um tem sua história. Se você não parar para ouvi-la, terá em si só julgamentos, muitas vezes copiados e colados, repassados erroneamente de uma forma infeliz.
Nossa personagem é digna de merecimento e esbanja diversão. Conheça a imagem Anitta e a história que a WOW parou para ouvir.

Entrevista:

Pra você, o que é mais importante no trabalho?
As pessoas saírem felizes com o resultado, não importa o que esteja sendo feito. Se for um show, ensaio de fotos ou um programa, o mais importante, pra mim, é que ela saiam felizes com o que eu fiz.
Uma situação de trabalho que tenha a irritado.
Me irrita um pouco quando as pessoas não falam a verdade ou quando tentam me fazer de idiota. Fazem algo que foi combinado para fazer etc. Isso me irrita bastante.
Seu trabalho já foi criticado?
Com certeza. E eu tenho total discernimento para separar se a crítica foi construtiva ou não. Quando vejo que foi uma crítica que faz sentido e é para o meu bem, amo que chegue até a mim. Na verdade, fico até pedindo opiniões para as pessoas obviamente, que têm conhecimento e discernimento. Pessoas que vão me falar críticas para me ajudar. Mas quando são opiniões relevantes, nem ligo.
O que tem mantém na carreira? O maior motivo.
Lembrar como era minha vida antes dela, porque eu sonhava com minha vida assim o tempo inteiro. Sou muito feliz. Amo cantar, isso me faz feliz demais. É o que me motiva. Então se eu tiver algum problema ou algo que talvez possa me fazer pensar em desistir – o que nunca aconteceu, eu lembro desse motivo.
Como você se mantém informada?
Depende. Não sei se consigo responder essa pergunta. Não sei se confio nas fontes de informações que nós temos hoje. Sai tanta coisa por aí, sobre mim, que não é verdade, que fico sem saber se acredito ou não quando saem coisas sobre outras pessoas.
O que você acha da carência de ídolos com essa glamorização de celebridades instantâneas?
Eu acredito que um ídola de verdade não depende das celebridades instantâneas. De existirem ou não. Esse ídolo vai existir, vai fazer sucesso e vai acontecer independente de, no momento, estarem “bombando” as celebridades instantâneas. O ídolo de verdade se concretiza.
Se pudesse mudar algo em como foi educada, o que seria?
Acho a educação da minha mãe excepcional. Acredito que o que existe de defeito que não gosto, não é culpa dela. São coisas da minha personalidade mesmo, porque minha mãe nos criou – eu e meu irmão, de maneira igual. E eu sou diferente dele. Não acho que seja questão de educação e sim de personalidade.
Se pudesse voltar a um dia que viveu, qual seria?
Acho que voltaria ao meu aniversário de 23 anos, quando fui ao show da Rihanna e me diverti como nunca na vida. Mas isso falando de vida pessoal. De vida profissional, o dia da gravação do meu DVD ou o dia que lancei ‘Bang‘, quando fiquei em uma alegria sem fim. Meu aniversário foi um dia muito incrível, não só pelas comemorações, mas pelo carinho que recebi de tanta gente, tantos fãs pelo Brasil inteiro. Pessoas que percebi que conquistei e me mandaram mensagens muito emocionantes e marcaram minha vida para sempre.
O que faz seu coração bater mais forte?
O carinho do meu público. Quando meu show está muito incrível, quando as pessoas estão calorosas… Isso faz meu coração ir a mil, fico muito feliz. Minha família também faz meu coração bater mais forte. Amo estar com eles.
Ser brasileiro é…
Ter que aprender a lutar na vida.
Uma frase, um trecho de uma música, ou um bordão.
Uma frase “Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é“. As pessoas julgam as outras, não é? Eu não faço mais isso… Já fiz muito, hoje em dia não faço mais. Elas julgam sem saber o que as outras passam. Então levo essa frase para mim. Outra frase é “Tudo passa“. Tudo passa mesmo. Tanto as coisas boas quanto as ruins, elas são passageiras. Não podemos nos deslumbrar por um acontecimento feliz e nem ficarmos arrasados por um acontecimento triste.
Ser mulher é…
Ser forte, vencer um monte de barreiras.
Algo que nunca te perguntaram e você gostaria de falar.
Qual é a coisa mais incrível e a pior coisa no ser humano? A mais incrível, para mim, é o altruísmo, quando ele ama e tem vontade de ajudar. A sua compaixão, sua compreensão. A mais horrível é o julgamento sem saber. Isso eu acho muito ruim. O que o ser humano tem demais lindo, tem o oposto dentro dele. Essa vontade de prejudicar, um ódio a troco de nada. O prazer em prejudicar o outro.
Qual foi a sensação de viver esse personagem para a WOW?
Foi incrível! Amei o ensaio. Me senti muito poderosa, muito amada por mim mesma.
Se você tivesse um poder único de mudar o mundo, qual seria a primeira mudança?
Acho que seria o que falei sobre o ser humano. De tirar todos esses sentimentos ruins e fazer com que ele conseguisse evoluir sem precisar passar pelas coisas ruins. Mas isso é muito difícil, então talvez eu mudasse a educação. Educação e oportunidades iguais para todo mundo.
Existe um filme que tenha ficado em você?
Vários! Eu amo esse filme e já assisti milhares. O que mais marcou, que fiquei uma semana com ele na cabeça, se chama ‘Um Sonho de Liberdade‘.
Você tem um mantra?
Acho que não, sempre procuro lembrar um pouco da minha história de antes da carreira. Isso me deixa muito centrada. Quando eu estou com algum problema ou quando estou muito feliz, sempre lembro como eu era antes de ter a vida que levo hoje.
Qual a sua lembrança mais valiosa?
Minha família antes dos meus avós falecerem. Isso me toca muito e fico muito feliz quando penso em todos eles juntos.
Quem te inspira na sua carreira hoje?
Depende do ponto de vista. Se estou falando de responsabilidade e princípios, é minha mãe. Se estou falando artisticamente, é Rihanna.
Descreva seu dia perfeito de folga?
Comendo muito, comendo tudo. (Risos) Vendo filme com pessoas maravilhosas ao meu lado, batendo muito papo. No final, uma festa com amigos, muita dança, alegria e música boa.
Se fosse um estilista, como você desenharia o estilo brasileiro?
Desenharia uma mistura completa, sabe? Uma diversificação em cada peça, porque acredito que isso é o Brasil. O resultado de uma grande mistura.
Cite três coisas que figuram sua lista de coisas não feitas.
Viajar sem trabalhar, porque por mais que eu estivesse de férias, quando viajei, acabei trabalhando. Nossa! Não sei se consigo pensar em três. (Risos) Mas, uma delas, sem dúvidas, é viajar sem trabalhar.
Se você pudesses representar o Brasil com apenas um filme em um festival internacional, qual seria?
Dois Filhos de Francisco‘ porque mostra a garra do brasileiro, sua força de vontade e principalmente sua dificuldade de conseguir conquistar seus sonhos. Além do lado ruim do Brasil, que é a miséria, falta de oportunidade e, às vezes, a falta de caráter do sistema. O filme mostra que os brasileiros são determinados e sonhadores. Pessoas simples e felizes.
Se não fosse Anitta…
Não sei o que seria da vida. Eu não tinha outra alternativa quando criança, só cogitava a hipótese de ser Anitta mesmo. (Risos)
Se pudesse jantar com algum personagem da história, quem seria?
Chico Xavier. Ele tem muita coisa pra nos ensinar.
Se fosse um cartoon, qual seria?
O Bob Esponja, sem dúvida. Ele vive querendo se divertir na presença dos seus amigos, querendo fazer pessoas em volta se sentir felizes, além de amar trabalhar. Ele é tão incrível que nem os seus inimigos ele leva a sério. Tá sempre querendo que seus inimigos se divirtam, sejam felizes. Isso tem muito a ver comigo.
Do que você sente mais saudade?
Da minha avó. Tenho muita saudade dela. Ela já faleceu e por isso não posso matar essa saudade, infelizmente.
Até que ponto você controlou sua vida até aqui?
Minha vida eu controlo, de fato, há uns dois anos. Controlei no início da carreira junto com meu irmão e minha mãe, depois passei a não controlar mais. De uns dois anos pra cá, já consigo controlar minha vida e sou muito feliz. Quando sinto que preciso de ajuda, não tenho vergonha de pedir. Ligo para quem confio e amo e falo “gente, eu queria muito a ajuda de vocês“. Como faça quando sei que tenho um ponto fraco, pedindo que me ajudem com isso.

Fotos:

Vídeo:

1234... 6»
Agenda da Anitta
Principais tags
13/05
Expo Palmeira no Complexo Esportivo
Palmeira - PR
20/05
Recinto de Exposições de S. José do Rio Preto
São José do Rio Preto - SP
25/05
Balada Loka no Pavilhões Festa da Uva
Caxias do Sul - RS
26/05
Woods Arena
Porto Alegre - RS
28/05
Show das Poderosinhas no Aud. Araújo Vianna
Porto Alegre - RS
Layout por Print Creative · Central Anitta · Alguns direitos reservados · 2014 ∞ · fãs online